HISTÓRIAS QUE SÓ EXISTEM QUANDO LEMBRADAS




HISTÓRIAS QUE SÓ EXISTEM QUANDO LEMBRADAS - Descobri "Histórias Que Só Existem Quando Lembradas", na base do acaso.....do sem querer, diria que foi o destino que me ajudou. Pena que o filme não caiu, como merecia, no colo da mídia, pois vi pouco espaço para a produção, que, obviamente, passou quase como um furacão nos cinemas, de tão rápido. A diretora Júlia Murat (estreante) faz um trabalho primoroso, enxuto, poético, simples, sensível e emotivo. Não pensem que estou sendo muito "paciente" e dando elogios indevidos. Estou apenas sendo sincero e realista em minha análise pessoal.
 
 
 
Dentre todos os elogios que a produção merece o que mais valorizo foi o trabalho de fotografia de Lucio Bonelli. Cada quadro projetado na tela, é um retrato que poderia estar em nossa parede da sala de estar. Cada segundo de fotografia é uma poesia em imagens feito como poucas vezes assisti no cinema nacional. Li alguns comentários que não elogiam tanto a fotografia do filme. INJUSTIÇA. Em diversos momentos o trabalho fotográfico lembrou "Barry Lyndon" de Stanley Kubrick. Combinação adequada e intocável de momentos profissionais com instantes quase artesanais. Cada imagem reflete um sentimento, um vazio, um momento, um olhar, uma dor, uma esperança ou uma emoção. Cada quadro é único, pensado com carinho e refletido com sentimento e poesia.
 
 
 
 
 
 
 
"Histórias Que Só Existem Quando Lembradas", infelizmente, não é para todos os gostos. A obra possui um ritmo, apropriadamente, lento. Uma obra sem conotação comum. Poucos diálogos, porém, consistentes e com força, como a arte, diversas vezes, deve ser. Exibido no Festival de Veneza e no Festival do Rio em 2011, a trama trata de assuntos sérios como solidão e abandono a partir de uma perspectiva inusitada e sensível.
 
 
 
 
Não posso deixar de dar parabéns também ao ótimo trabalho do elenco, com enorme destaque para Sônia Guedes e Lisa E. Fávaro.
 
 
 
 
Meu único ponto negativo é a trilha sonora, quase perfeita, que escorrega ao introduzir música estrangeira, num clima, a meu ver, totalmente brasileiro. Porém, nada que diminua a força poética de uma História Que Merece Ser Vista Sempre e Ser Sempre Lembrada.
 
 
 





Sinopse - Jotuomba fica localizada no Vale do Paraíba, no estado do Rio de Janeiro. Nos anos 30 as até então ricas fazendas de café foram à falência, derrubando a economia local. Madalena (Sônia Guedes), uma velha padeira, continua vivendo na cidade. Ela é muito ligada à memória de seu marido morto, que está enterrado no único cemitério local, hoje trancado. Sua vida começa a mudar quando Rita (Lisa E. Fávaro), uma jovem fotógrafa, chega na cidade.
 
 
 

Filme: 5 pipocas - ótimo



1 pipoca - péssimo

2 pipocas - ruim

3 pipocas - razoável/regular

4 pipocas - bom

5 pipocas - ótimo

13 comentários:

Celo Silva disse...

Ainda não tive oportunidade de assistir esse filme, mas realmente ele é muito bem elogiado por quem assistiu. Minha vez vai chegar e espero também gostar tanto quanto a maioria. Abração!

Fábio Henrique Carmo disse...

Caramba. Eu não conhecia esse filme. Espero conseguir vê-lo em breve. Abraço!

Amanda Aouad disse...

Uma pena mesmo que não tenha tido uma divulgação maior. Um belo filme, pura poesia.

abraços

Anônimo disse...

ainda não mas, confesso que fiquei curiosa vou ver depois coloco outros comentários. parece bom.
abç.Rosália

✿ chica disse...

Fiquei com vontade! Boa dica! abraços, linda semana,chica

Stella Daudt disse...

"o trabalho fotográfico lembrou "Barry Lyndon" de Stanley Kubrick". Só essa frase bastaria para me fazer alugar o filme, Renato.

Rosane Marega disse...

Oieee,saudadesssssssssssss...
BeijosSSSSSS

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Olá, parceiro, estou de volta, pronto para trocar comentários e seguir suas postagens. Fico feliz em ver que seu blog continua a todo vapor.
Cumprimentos cinéfilos!

O Falcão Maltês

Adecio Moreira Jr. disse...

Está passando o tempo e eu não vejo logo esse filme. Pelo que andam comentando, deve ser o lirismo em forma de filme.

Abraço!

Hugo disse...

Ótima dica, também não conhecia esta obra.

Abraço

Anônimo disse...

Greetіngs frоm Cаrolina! І'm bored to tears at work so I decided to check out your site on my iphone during lunch break. I love the information you provide here and can't waіt tο take a look whеn Ӏ gеt home.
Ι'm surprised at how fast your blog loaded on my cell phone .. I'm not eѵеn uѕing
WIFI, јust 3G .. Anyωays, exсellent blog!


My site - V2 Cigs Reviews

Tô Ligado disse...

Não conhecia esse filme. Ja esta na lista!

Liz disse...

Não entendi se é um documentário ou uma trama, fiquei com muita vontade de assistir, parece o tipo de filme que eu iria adorar mesmo!