The Walking Dead


The Walking Dead – Em primeiro lugar tenho que pedir desculpas pela semana de atraso. Mas, foi por uma boa causa, visto que "Cisne Negro" mereceu estragar essa sequência. Além do que toda regra é criada para ser quebrada. Dito isso vamos ao texto.
Quando Lost chegou ao final fiquei angustiado. Imaginei que seria impossível preencher em meu coração um espaço que foi conquistado pela melhor série que assisti na televisão, mesmo com o final que gerou tanto conflito (eu particularmente adorei). Aos poucos estou descobrindo que existem outras boas opções: True Blood, House e Fringe. Minhá última descoberta foi “The Walking Dead”. Série fez tanto sucesso que ja foi confirmada segunda temporada com o dobro de episódios.

Pressionado pelo amigo que indicou House, ou seja, com crédito, resolvi dar uma oportunidade a série de zumbis. Ainda bem. Amo ser surpreendido por algo de qualidade e acima da média em termos criativos. Sou apaixonado por loucuras, insanidades e inovações.

Engana-se quem pensa que “The Walking Dead” fala apenas de terror. A série utiliza e muito bem, outros elementos como pano de fundo. Na trama somos envolvidos por traições, lealdade, crueldades humanas e tantas outras fraquezas e qualidades do próprio ser humano. Os zumbis em alguns momentos não são os grandes vilões da trama, acreditem se quiser. Alguns "humanos" são capazes de coisas mais cruéis.

O roteiro é bem construido, com indagações muito além do simples fato de morrer ou não. A fotografia é simplesmente mágica e encantadora, fazendo com que o público descubra o valor e a importância do olhar. Os protagonistas estão perfeitos com destaque para Sarah Wayne Callies (“Prison Break”) e Andrew Lincoln (“Como arrasar um Coração”).

Para não dizer que só fiz elogios duas coisas poderiam ser melhores na produção, na minha visão:
- o elenco de apoio, que não é ruim, mas, abaixo do casal principal;

- a trilha sonora – apenas a última música da primeira temporada me agradou muito. O resto não fez função como “personagem” da série, o que numa história de terror é estranho.
Assista “The Walking Dead” e descubra quem pode ser o zumbi de sua alma e de seu coração. Cuidado que ele pode ser quem você menos imagina.

Sinopse - A história da série The Walking Dead se passa em uma cidade de Kentucky chamada Cynthiana onde um oficial de policia está em uma missão de interceptar um veiculo em alta velocidade na rodovia, mas infelizmente recebe um tiro que o deixa no hospital. Mas quando Rick Grimes (policial) acorda no hospital se vê em uma situação totalmente diferente do comum. A cidade onde mora aparentemente está abandonada e destruída, no decorrer dos capítulos ele descobre que a Cynthiana foi atingida por um apocalipse zumbi.

The Walking Dead é uma historia originada dos quadrinhos HQ que é publicada pela editora Image Comics. Ela foi escrita por Robert Kirkman e pelo desenhista Tony Moore.

Filme: 4 pipocas

1 pipoca – péssimo
2 pipocas – ruim
3 pipocas – razóavel/regular
4 pipocas – bom
5 pipocas – imperdível

14 comentários:

Gabriel disse...

Pra Walking Dead eu daria 3 pipocas, hehe. Eu fico pensando na história e gosto de ver os episódios, mas ela me pareceu simplesmente apenas mais uma série qualquer, sem qualquer atrativo ou diferencial.
Abraços.

Guará Matos disse...

Sou fanático em "CSI Las Vegas" e também curtia o "24 Horas". Assisto outras, mas não com tanta dedicação.

Abraços.

Rosane Marega disse...

Adoro as suas dicas, são perfeitas.
Beijossss e um super final de semana.

Sonhos De Deus disse...

OIII,passando pr ti dar um bom dia,e presentear teu blog com um selinho,passa no Sonhos De Deus,as regrinhas é facil,UFA rsrsrs,é só copiar e colar o selinho,e colocar em teu blog e presentear mais 5 blogs,o selinho é o que estou agradecendo do blog cantinho da Júú,qualquer duvida me da um oi,teu blog e vc é muito especial pr mim e Sonhos De Deus Bjks!!!!

Rof disse...

Adoro essa série.
Coincidentemente foi a minha crítica de Série da semana tbm.
Depois da uma olhada. abraço

Cristiano Contreiras disse...

Sério que você gostou?!

Acho, além de chatinha e fraca, uma série muito superestimada por todos. Não vejo nada demais. Prefiro ver os filmes de Resident Evil, muito mais instigante!

Abraço

Female disse...

Gosto daqui!
beijos e Tulipas!

MOISÉS POETA disse...

Não gosto muito de série. mas vale a dica . tentei assistir Lost, mas perdi varios episódios. em suma: eu não conseguia entender nada. rsrsrsr.

Um abração, Renato !

Quaresma disse...

eu não entendi seu comentário '-'
me explica?!

beijas, eterno :*

♪ Sil disse...

Vim deixar um abração pra esse moço querido (que me ensina tudo de cinema), e dizer que consegui me sentar pra assistir a origem.

Sinceramente? LINDOOOOOOOOOO.

Um beijoooooo Renato!

Quaresma disse...

ainda sim, eu tenho medo de coisas que envolvem zumbis '-'

beijas, eterno :*

e eu estava falando do seu comentário no meu blog mesmo '-'

Kivia Nascentes disse...

Eu odeio zumbis,filmes de zumbis, consequentemente os seriados de zumbis, fim.

Sonhos De Deus disse...

Oiii,bom dia,passei pr ti entregar uma mensagem,ti falar que estou muito feliz por ser um seguidor do Sonhos De Deus,cada comentario é uma alegria pr nós,sempre estarei por aqui pois quero mais que tu ser um seguidor do Sonho De Deus ser meu amg,por isto quero te passar esta mensagem:A amizade nasce de um sorriso sincero,
Cresce aos poucos,
E quando estimada fica impossível de não tê-la mais.
A amizade é tão forte como o brilho do sol,
Tão grande como a lua,
Tão admirada como a paisagem mais bela.
A amizade cobiça fielmente a sinceridade,
Alimenta a cumplicidade e devora a alegria.
A amizade é algo indecifrável,
Como uma língua sem tradução.
Amizade é presente dos céus
E a compreensão dos sonhos.
Ser amigo é ter prestígio
Ter conceito de companheirismo,
Benevolência perfeita.
A amizade é dotada de compreensão,
Completa de fiel felicidade.
Uma semana linda com muita paz no teu coração!

Rodrigo Mendes disse...

Todo o drama até que impressiona em um território de Zumbis. Gosto muito da série, é bem realizada no tom gore, guts!

Gostei muito da primeira temporada.

Abs.
RODRIGO